Desde a última quarta-feira, 08, a proposta política do Ministério da Saúde, para criar uma linha de cuidados específicos para pessoas idosas, foi colocada em consulta pública para que profissionais, usuários do SUS (Sistema Único de Saúde) e de organizações da sociedade civil opinem sobre o projeto.

A partir das orientações, o ministério rá consolidar o documento que servirá como orientação para as equipes de saúde da família e unidades de atendimento em todo o país.

 

Proposta

O objetivo dessa política é promover um tratamento aos idosos não focado somente na doença, mas em um conjunto de fatores como o quadro clínico, a existência de alguma dificuldade que reduza sua autonomia, os hábitos alimentares e físicos e o contexto social do paciente. Esse método será chamado de avaliação multidimensional.

Para funcionar, a nova política depende que sua implementação seja assumida pelos gestores estaduais e municipais de saúde, e pelos profissionais e unidades de atendimento.

Leia também

Deixe uma resposta